Fique de Olho

WorldLeish 2017: Maior Congresso no mundo dedicado a apenas uma doença parasitária está com inscrições de trabalhos abertas até 30 de novembro

O programa científico irá abranger os aspectos científicos e políticos atuais de Leishmaniose, entre eles, a pesquisa básica para o controle e eliminação da doença

Os trabalhos para a sexta edição do Congresso Mundial de Leishmaniose (WorldLeish 2017) podem ser submetidos até o próximo dia 30 de novembro. O evento ocorrerá em Toledo, na Espanha, entre os dias 16 e 20 de maio do ano que vem.

O 6º WorldLeish é organizado pelo Instituto de Saúde Carlos III, da Espanha, e pela Iniciativa Medicamentos para Doenças Negligenciadas (DNDi), com sede na Suíça. O Congresso também é uma parceria com a revista PLoS, que irá compilar publicações sobre os principais tópicos discutidos no Congresso. Os primeiros artigos da série serão publicados em breve, de acordo com a organização do evento.

O programa científico irá abranger os aspectos científicos e políticos atuais de Leishmaniose. Entre eles, a pesquisa básica para o controle e eliminação da doença – com base no Roteiro da Organização Mundial de Saúde (OMS) para Doenças Tropicais Negligenciadas e a “Declaração de Londres”, de 2012.

A organização do evento espera cerca de 1.500 participantes, incluindo pesquisadores, representantes governamentais e todas as principais organizações envolvidas na luta contra a leishmaniose.

Para mais informações, acesse: http://blogs.plos.org/collections/call-for-papers-worldleish6/ e http://www.worldleish2017.org/.

WorldLeish brasileiro

O Brasil sediou o Congresso pela primeira vez entre os dias 13 e 17 de maio de 2013, em Porto de Galinhas (PE), primeira vez em que o Congresso foi realizado fora do chamado Velho Mundo. A primeira edição do evento ocorreu em Istambul (Turquia), a segunda em Creta (Grécia), a terceira na Sicilia (Itália), a quarta em Lucknow (Índia).

Durante a quinta edição do evento foram abordados os principais temas relacionados às leishmanioses no mundo, desde a biologia celular e molecular até o tratamento e o controle. Ao todo, 1.377 pessoas participaram, entre cientistas e estudantes de 26 estados do Brasil e de mais 50 países, como Estados Unidos, Reino Unido, Índia, Cuba, China, África do Sul, entre outros. A programação do WorldLeish 5 apresentou 43 sessões orais e 14 simpósios satélite e 21 sessões especiais de hot-spots – sessões sobre temas polêmicos. Ao todo, foram apresentados 962 pôsteres em três sessões noturnas.

E o Brasil fez bonito. De acordo com o presidente da Comissão Organizadora do Worldleish 5, – Fifth World Congress on Leishmaniasis, Dr. Sinval Pinto Brandão Filho, sem dúvida, foi um grande feito da ciência brasileira. Segundo ele, nunca tantos trabalhos foram enviados para apreciação como na edição brasileira. Para efeito de comparação, a maior quantidade de trabalhos submetidos em uma edição previa foi na Índia, em 2009, quando foram submetidos 729 abstracts. “Para se ter uma ideia, tivemos 546 trabalhos solicitados para apresentação oral. Dos 1.326 trabalhos selecionados, 349 foram para apresentações orais e 977 para posters”, lembrou Dr. Sinval.

 

FONTE: SBMT

 

Hemocentro abre concurso com salários até R$ 5.820 no DF

A Secretaria de Planejamento, Orçamento e Gestão (Seplag) divulgou nesta segunda-feira (14/11) edital de concurso para cargos de técnicos e analista no Hemocentro do Distrito Federal. No total, são 79 vagas para preenchimento imediato e os salários variam de R$ 3.705 a R$ 5.820.

Entre os cargos de nível médio, estão as funções de técnico administrativo (10 vagas), técnico de hemoterapia e hematologia (12 vagas), técnico em informática (quatro vagas), técnico em contabilidade (duas vagas), técnico em radiologia (duas vagas) e técnico em saúde bucal (uma vaga).

Os cargos de nível superior são para as ocupações de administrador (três vagas), analista de laboratório (18 vagas), arquivologista (uma vaga), assistente social (uma vaga), jornalista (uma vaga), relações públicas (uma vaga), contador (duas vagas), especialista em direito e legislação (uma vaga), economista (duas vagas), enfermeiro (10 vagas), estatístico (uma vaga), farmacêutico (duas vagas), fisioterapeuta (uma vaga), odontologista (uma vaga), psicólogo (uma vaga) e tecnólogo da informação (duas vagas).

O concurso contará com uma prova objetiva, outra prova discursiva, prova de títulos (caráter classificatório), além de perícia médica. A inscrição só poderá ser feita via internet, no site do Instituto Americano de Desenvolvimento (Iades), entre os dias 11 de dezembro de 2016 e 6 de fevereiro do próximo ano.

A prova deve ser aplicada no dia 19 de março. A taxa de inscrição é de R$ 58 para vagas de ensino superior e R$ 46,50 para as de ensino médio.

Os conteúdos das provas e demais detalhes do concurso podem ser conferidos na edição do Diário Oficial do DF desta segunda.

 

FONTE: Metrópoles/DF

 

Programe-se: Cursos de Férias do IOC abrem inscrições somente dia 05/12

Alunos de graduação de todo o país podem participar. Serão cerca de 140 vagas  :: Inscreva-se aqui
(link disponível somente no dia 05/12, das 9h às 17h)

Em sua 18ª edição, os Cursos de Férias do Instituto Oswaldo Cruz (IOC/Fiocruz) disponibilizarão cerca de 140 vagas a estudantes de graduação de todo o país. Serão oferecidos dez cursos, que abordarão metodologias relevantes no contexto da pesquisa em saúde no Brasil, além de agregar novos conhecimentos sobre situações práticas do dia a dia em laboratório. As inscrições serão realizadas somente no dia 05/12, das 9h às 17h. Acesse aqui a chamada de seleção.

Para se candidatar a uma das vagas, os interessados deverão preencher o formulário eletrônico (que será disponibilizado no dia 05/12) e encaminhar currículo e carta de interesse. A análise dos dados de cada graduando será realizada entre os dias 05 e 09/12. O resultado final será divulgado no dia 09/12.

Os selecionados receberão um e-mail, após a divulgação do resultado final, informando a confirmação de inscrição e o link do boleto para pagamento da taxa no valor de R$50. A vaga será homologada apenas após o envio da documentação solicitada.

Cursos da edição Verão 2017
• A célula em movimento: as faces do citoesqueleto (ementa)
• Biologia molecular forense (ementa)
• Citometria de Fluxo: Fundamentos e aplicações na pesquisa científica (ementa)
• Cultivo de células de mamíferos: técnicas e aplicações na pesquisa científica (ementa)
• Dengue, zika e chikungunya: perfil e diagnóstico das principais arboviroses de importância médica (ementa)
• Ecologia das doenças transmitidas por vetores: espacialização, técnicas de captura e identificação (ementa)
• Ensaios pré-clínicos na busca de novos candidatos a fármacos contra doença de chagas e leishmanioses (ementa)
• Estudos de helmintos parasitos de pequenos mamíferos (ementa)
• Novas alternativas para a redução da transmissão de patógenos por insetos vetores (ementa)
• Tópicos de ensino por investigação (ementa)

Período dos cursos
30/01/17 a 10/02/17 (a depender da data e duração do curso de escolha)

Histórico
Os Cursos de Férias foram criados em julho de 2007 com a missão de disseminar o conhecimento científico entre jovens estudantes da área da saúde de todo o país e abordar temas pouco discutidos nos cursos de graduação. Desde sua primeira edição, os Cursos de Férias já tiveram 1.573 matriculados em 60 disciplinas. Para a realização dos cursos, participaram 108 pesquisadores do IOC, que atuaram como coordenadores, e 445 estudantes dos Programas de Pós-graduação do Instituto, que integraram o grupo docente.

FONTE : (Comunicação / Instituto Oswaldo Cruz)